Blog do MAZEzito

O TB 558-Pedome esta na Noruega

September 28th, 2011

O TB de 558-Pedome com o último movimento encontrasse neste momento em uma cache em N 59° 58.919 E 010° 45.207 ou simplificado as coisas, está na Noruega perto da cidade Oslo ao lado de um lago que está completamente gelado no Inverno. Com esta sua última viagem o TB já completou uns meros 2857Km espero que um dia volte a casa…
Obrigado ao proper007 foi ele que fez este último movimento…
Alguém quer ir lá buscá-lo?

Quem não sabe o que é um TB (Travel Bug ) tem ajuda aqui:
http://en.wikipedia.org/wiki/Travel_Bug

TB:558 Pedome
http://www.geocaching.com/track/details.aspx?guid=62ef9eb0-ea9d-4b29-943b-257c79d6d31e

Cache onde se encontra:
http://www.geocaching.com/seek/cache_details.aspx?guid=c997e7c7-631b-41b1-82f9-08c68c015f3a

Lago gelado

 

Nossa Senhora da Abadia

September 28th, 2011

O Santuário de Nossa Senhora da Abadia esta situado a cerca de 4Km do Mosteiro de Santa Maria Bouro. Localiza-se a meia encosta, num lugar completamente isolado.
À sua volta impera uma natureza deslumbrante, oxigenada pelos enormes plátanos que envolvem o terreiro que da acesso ao adro do grande santuário e a vegetação do ribeiro que se escapa entre as agrestes serranias, quebrando o silêncio religioso de um recanto de oração e lazer.

História
O Santuário da Nossa Senhora da Abadia é, para alguns autores, o santuário mariano mais antigo de Portugal e quiçá das Espanhas, construído nos sécs. VII e VIII.
Segundo relatos dos antigos historiadores beneditinos, existiu no monte próximo, o de S. Miguel, um ermitério, anterior ainda à invasão dos Mouros. Durante as guerras com os árabes, no séc. VIII, o ermitério despovoou-se e, na fuga, os ermitas deixaram escondida uma imagem de Nossa Senhora.
Com o afastamento total dos Mouros, no séc. XI, fixou-se ali novamente um ermita de hábito negro, Frei Lourenço, que recebeu como companheiro, Pai Amado, um fidalgo da corte de D. Henrique, que no retiro queria afogar a saudade que lhe deixara a esposa falecida. Segundo a tradição, certa noite os dois ermitas viram aparecer no fundo da serra uma luz misteriosa e viva. Logo ali acorreram, encontrando no lugar, sob um penedo, a imagem escondida de Nossa Senhora. Por melhor comodidade, os monges de S. Bento fundaram o Mosteiro de Santa Maria de Bouro. Este, passados anos, passou a reger-se pela regra beneditina, reformada por S. Bernardo. E o mosteiro de Bouro foi cisterciense até à sua extinção em 1834.
A história do Santuário de Nossa Senhora da Abadia não se pode desligar da história do Mosteiro de Santa Maria de Bouro, local onde ficavam os monges que habitavam junto do Santuário e que zelavam pela sua conservação e engrandecimento. Foram os monges cistercienses que orientaram a fé dos peregrinos com cujas esmolas se construiu o imponente Santuário de Nossa Senhora da Abadia.

O actual Santuário
Antes de chegar ao recinto do Santuário, umas centenas de metros antes, no lado esquerdo, começa a encontrar as 8 maravilhosas capelas, alinhadas em forma de Via-Sacra, construídas no decorrer séc. XVIII, consagradas à devoção da vida de Nossa Senhora.
Cada capela contém um grupo de esculturas policromadas, do estilo amaneirado e bracarense, representando os passos da vida de cristo e da Virgem (séc.XVIII).
A primeira, representa o Nascimento de Nossa Senhora; a segunda representa a Apresentação de Nossa Senhora no Templo; a terceira, refere-se aos Desponsórios de Nossa Senhora com S. José; a quarta, representa a Anunciação do Anjo S. Gabriel a Nossa Senhora; a quinta, representa a Visitação de Nossa Senhora a sua prima Santa Isabel; a sexta, representa o Nascimento do menino Jesus em Belém; a sétima, a Adoração dos Reis Magos ao menino Jesus e, por fim a oitava, representa a chegada do Menino Jesus ao Egipto.
No decorrer do séc. XVII, a começar a meio das capelas referidas, levantaram-se mais sete capelinhas de forma rectangular, ao contrário das da Nossa Senhora que são hexagonais, representando passos da Paixão do Senhor. Logo a seguir à oitava capela da vida de Nossa Senhora entra-se no largo, ao fundo do qual, está erigido o Santuário. Plátanos gigantescos, castanheiros e oliveiras multisseculares, conferem ao templo da Nossa Senhora da Abadia um ambiente majestoso. Dum lado e doutro do terreiro, frente ao Santuário, situam-se duas construções, conservadas e modificadas desde o séc. XVIII pela confraria. Ambas com dois pisos e varandas corridas colunadas assentes sobre arcadas, de tipologia interessante, estas construções são conhecidas como casas das ofertas dos romeiros e “quartéis”, os quais serviam de abrigo aos peregrinos que demandavam o Santuário e que permaneciam durante dias e noites. Mesmo na linha doa quartéis está um maravilhoso cruzeiro do século XVIII e logo em frente o imponente Santuário no estilo do século XVII e XVIII, num estranho ambiente de severidade e de solicitude serrana. Para comemorar o bimilenário do Nascimento de Nossa Senhora, a Confraria mandou abrir uma gruta cavada na pedra dura da montanha, mesmo lado do Santuário, com uma fonte e uma imagem de Nossa Senhora. Entrando-se no vasto templo, admira-se a sua grandiosidade, a maravilha da sua talha doirada e recentemente restaurada, a beleza das suas imagens, o seu órgão mandado fazer nos finais do século XVIII, a bela imagem gótica de Nossa Senhora da Abadia.

Em redor do Santuário
Os arredores do Santuário, serranos e duros, são duma beleza acolhedora e tranquilizante. Convidam os visitantes e romeiros à meditação, à oração e ao descanso de espírito e de corpo. O rio de Nava, barulhento com as suas águas a caírem pelos penedos, com o seu afluente o Combarraços, aumenta o convite à meditação e recolhimento. As belas fontes de água corrente e fresca: a Fonte do Minhoto, a Fonte do Bicho, a Fonte de S. Miguel, a Fonte de Trás dos Quartéis e a Fonte de Aparição, são locais de descanso e de tomada de forças para enfrentar o caminho duro do passeio ou da romaria.
As principais festas do Santuário da Nossa Senhora da Abadia são a Peregrinação do último Domingo do mês de Maio e a Romaria no dia 15 de Agosto, o dia da Assunção de Nossa Senhora.

 

Texto de folheto das confrarias da Nossa Senhora da Abadia

O Caminho (The Way) By:MAZE

Um filme de www.mazezito.com…
Caminho realizado de 13/08/2011 a 20/08/2011 com partida na ciclovia de Famalicão pelo caminho Português de Santiago de Compostela…
Fiz este vídeo para expressar o que senti nos 8 dias de caminho porque sem dúvida as imagens falam por mil palavras, aconselho a verem o vídeo todo…

MAZE a caminho de Santiago

August 12th, 2011

MAZEzito.com

A caminho de Santiago

Muitas ruínas se encontram na estrada
E castelos medievais ao redor do lago
O que suaviza esta enorme caminhada
São as flores, os frutos em espaço vago

Em dias claros ou então na madrugada
Na direcção do caminho para Santiago
Quem busca a paz na noite estrelada
São pessoas comuns e também magos

Há muito séculos alimentando sonhos
Alguns andam tristes, outros risonhos
Todos caminham a pé e com vontade

Uns vão mudar a sua visão do mundo
Outros terão um olhar mais profundo
E mudarão para sempre sua realidade

jmd/Maringá, 21.03.10

Mais uma boa notícia hoje no JN para os Caminhos Portugueses de Santiago de Compostela…
Visto este ano ser um dos meus grandes objectivos desde já tenho o gosto de partilhar aqui…
Tenho recentemente encontrado também excelentes blogs e pequenos sites de experiências vividas dos Caminhos de Santiago e muitos deles com muita informação…
É de notar nesta notícia “Em 2009, o Caminho Português foi percorrido por 145877 peregrinos, mais 20736 do que o ano anterior…” por isso é uma excelente ideia dos municípios darem valor a estes caminhos…

(Clique na imagem para ampliar)

 

Uma típica seta de indicação dos Caminhos de Santiago esta encontra-se na margem sul do rio Douro perto da Ponte D. Luiz

Este vídeo foi gravado em 14/07/2011 na Póvoa de Varzim onde vi esta personagem muito animada…
Conseguiu por meia praia a olhar para ele e ter muitos adeptos a apoiá-lo…

E com este vídeo www.mazezito.com deseja a todos Boas Férias…

Incrível como é que uma cache como está que foi colocada desde 2007 só tem apenas 27 visitas ou estes geocachers são muito preguiçosos e não gostam de andarem um pouco a pé, pois eu estacionei o meu boguinhas no continente em Guimaraes e fui dar um passeio até Fafe a pé numa preparação para os caminhos de Santiago no qual vou fazer ainda este ano e cheguei ao final do dia com uns meros 39,5 km nos pés e adorei o dia passado com o nekodias…
Fiquei espantado com a qualidade da ciclopista com excelentes paisagens toda ela alcatroada e até muito movimentada mesmo sendo num dia da semana…
Recomendo a fazerem um passeio a pé ou de bicicleta nesta maravilhosa ciclopista e claro recomendo também a passarem por esta cache que infelizmente sofreu um pouco com os incêndios…
Deixei um TB…

 

 

“Cheguei ao final do dia com uns meros 39,5 Km nos pés…”

 

Cache machine

July 12th, 2011

Log da cache:

Depois de subirmos por ali acima por caminhos esquisitos fui dar com esta grande engenhoca…
Foi a melhor cache do género que vi até agora, pena mesmo é ela ser micro acho que dava para uma small…
Esta vai levar um favorito…
Parabéns, adorei logo na minha primeira cache encontrada em Viana…

Uma das melhores engenhocadas que vi até hoje parabéns jotapesantos…
Owners de excelência…

Desde já aviso que a visualização deste vídeo pode estragar o prazer da surpresa da respectiva cache…

Por isso mesmo o vídeo é do tipo de link privado não aparecendo nas respectivas pesquisas e o mesmo peço que não espalhem o link se o tal não acontecer o mesmo é apagado por respeito ao owner da cache…

 

Incrível, o TB de 558-Pedome sofreu nestes dias um movimento de 681.82Km está neste momento nos Pirenéus num local que é preciso 6 horas a pé para chegar e que tem uma média de 3 visitas por ano devido à sua dificuldade…
E deixo o meu obrigado ao amigo geocacher espanhol o buscadordepistas que fez este grande movimento…
Alguém quer ir lá busca-lo?

TB:558 Pedome
http://www.geocaching.com/track/details.aspx?guid=62ef9eb0-ea9d-4b29-943b-257c79d6d31e

Cache onde se encontra deve ficar lá muito tempo:
http://www.geocaching.com/seek/cache_details.aspx?guid=6e12fe5c-5e32-4577-8cfb-e549c7ba2f50

Pela primeira vez participei num evento de geocaching na fantástica cidade de berço de Guimarães no primeiro aniversário do GetTogether…
Vim parar aqui ao convite do coisos um amigo que descobri recentemente que também é geocacher com historial mais velho que o meu…
Quanto ao pessoal era fantástico falavam-se como amigos de longa data cumprimentaram-me a mim também como se me conhecessem há muito tempo…
Foi fantástico ouvir algumas verdadeiras aventuras e peripécias dos geocachers…
Como não podia deixar de ser, foi cantado os parabéns com os fantásticos bolos que posso dizer que estavam muito bons…
Nunca tinha visto tanto trackables juntos assim como os geocachers presentes, foi espectacular…
Num local como aquele e pelo nome do evento não podia deixar de ser realizado um fantástico jogo de bowling que se prolongou pela noite adentro…
Ficou a promessa que irei estar em todas as últimas terças-feiras nos encontros para partilhar as aventuras do mundo do geocaching…

Este Blog é da autoria do MAZE. Tema criado de raiz por MAZE.
Copyright © Blog do MAZEzito. All rights reserved.